Ads Top

PI: Com a saída da Suzano, haverá imposto na venda do eucalipto, diz secretário

“Uma vez que a Lei de Incentivo não cobre a venda para outra finalidade, o imposto será cobrado como qualquer outra mercadoria."

O secretário estadual da Fazenda, Silvano Alencar (foto ao lado), afirmou que com a saída da empresa Suzano do Piauí, o incentivo para produção do eucalipto no Estado não será mais destinado para papel e celulose, e com isso o ICMS (imposto de circulação de mercadorias e de serviços) e o imposto serão cobrados.
“Uma vez que a Lei de Incentivo não cobre a venda para outra finalidade, o imposto será cobrado como qualquer outra mercadoria. Após a perda de 23 milhões do fundo de participação nós sofremos, pois, não tínhamos previsão para que houvesse essa queda, porém já estamos nos organizando e as finanças já estão equilibradas”, disse Alencar.
O secretário da Fazenda disse ainda que, o Governo está defendendo uma reforma tributária para que as empresas do Piauí tenham condições de crescer: “Nós gostaríamos de manter as empresas nacionais como a Fiat, a Schin, porém, teríamos que ter parceria com o Governo Federal, pois, só a Lei de Incentivo não resolve”, concluiu.

Fonte: Painel Florestal

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.